Skip to content

FACILITADO – Preencha o Formulário Renavam Transferência





Saiba tudo sobre o preenchimento do formulário Renavam transferências.  Atualmente antes de transferir um veículo é necessário preencher o formulário Renavam transferências para que tudo seja feito de acordo com as regras da lei.

É muito importante que os proprietários de um carro tenham certeza que esse formulário seja preenchido da forma correta para que isso cause algum prejuízo no futuro.

Esse formulário também poderá servir para que outros serviços prestados pelo Detran sejam realizados, portanto, poderá servir para outras coisas além da transferência.




É importante entender que estado possui um sistema de preenchimento do formulário Renavam de transferências, desta forma, algumas dúvidas só poderão ser resolvidas no Detran de sua cidade.

O que é o formulário Renavam Transferência

formulario renavam
Preencha o Formulário Renavam Transferência

O formulário Renavam transferência nada mais é que um documento cujo objetivo é realizar a solicitação de serviços associados ao automóvel por meio do Detran.




Alguns exemplos desses serviços prestados pelo Detran para algum automóvel são:

  • Adquirir algum automóvel;
  • Primeira vez de emplacamento;
  • Transferência de veículo;
  • Com necessária de troca de municípios;
  • Modificação de dados.

Como percebe-se então é essencial entender o que é o formulário Renavam transferência, que a princípio pode parecer ser complexo de preencher.

É comum que os donos de veículos optam por realizar o preenchimento sozinho e realizar a emissão do formulário do Renavam com a intenção de eliminar gastos.

Essa escolha é para que os gastos extras com um despachante sejam evitados, já que esse custo mais o de pagamento das taxas pode ser algo que pese o bolso de um condutor.  

Onde solicitar o Formulário Renavam para Transferência?

Para conseguir ter acesso ao formulário Renavam de transferências, o motorista deverá realizar a emissão do formulário no Detran do seu estado, já que cada órgão possui um sistema único para realizar essa atividade.




Mas de forma geral, a pessoa que preencherá o formulário Renavam transferência é a pessoa que estiver solicitando esse serviço.

Em alguns estados pode acontecer do formulário Renavam seja preenchido por algum atendente, já que há sistemas em alguns estados que necessitam do preenchimento realizado manualmente.

Nesse cenário, será preciso que a pessoa que estiver preenchendo o formulário, faça-o escrevendo com as letras legível e que todos os dados sejam informados corretamente. Portanto, uma boa dica é consultar no Detran da sua cidade qual é a forma mais prática de realizar essa tarefa.

Documentos necessário para o Renavam de Transferência

Alguns documentos são exigidos para que seja feito a transferência de um automóvel, além do formulário Renavam transferência, e eles são:

  • Cópia e original da Carteira Nacional de Habilitação ou algum documento de identificação;
  • Cópia de comprovantes de residência que seja dos últimos três meses e que seja em nome do comprador ou de algum parente de primeiro grau;
  • Certificado do Registro do Veículo (CRV) que também pode ser chamado de DUT e que seja preenchido pelo último proprietário, necessário ter a firma reconhecida por algum cartório tanto do vendedor como comprador;
  • Cópia e original do Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRVL) juntamente dos comprovantes do pagamento do IPVA, multas que foram quitadas e licenciamento;
  • 2 cópias do formulário Renavam de transferência;
  • Chassi do automóvel decalcado, com 2 cópias que seja tirada em etiquetas e que estejam localizadas atrás do formulário Renavam transferência.

Em alguns estados esses documentos podem sofrer alguma modificação e outros documentos específicos e formulário diferentes podem ser requisitados.

renavam

Pagamento de Taxas – Veja quais são

O condutor que estiver no processo de transferir um automóvel, além de preencher o formulário Renavam de transferência também deverá arcar com o pagamento de algumas taxas.



Esse preço de transferência poderá variar de acordo com cada Detran das unidades federativas espalhadas pelo Brasil. No estado de São Paulo, o custo dessa taxa é de R$ 197,89, por exemplo, mas apenas caso tenha sido feito o licenciamento anual em curso tenha sido feito.

Entretanto, caso não tenha sido realizado, o valor passa a ser R$ 285,27. No Rio de Janeiro, por exemplo, essa taxa é de R$ 135,52. Desta maneira é necessário fazer uma consulta no Detran do estado onde será feito essa transferência para saber o valor específico. Como percebido, isso funciona da mesma maneira que o formulário Renavam transferência.

Formulário Descomplicado, veja dicas

As dicas para preencher o formulário Renavam transferências são as seguintes:

  1. Tenha os documentos necessários em mãos esses documentos são: RG, CPF ou CNH, comprovante que quitou todas as multas e impostos do automóvel e comprovante de endereço.
  2. Não rasure o formulário Renavam de transferência, já que isso pode resultar na emissão de um novo documento.
  3. É preciso fazer o decalque legível tanto do chassi quanto do motor.
  4. Em alguns formulários há a opção de clicar sobre o ponto de interrogação para que a etapa seja explicada e o condutor consiga preencher com facilidade.